Não pode se deslocar a nenhum escritório?
Encontre um advogado online

Posso passar a guarda do meu filho de 5 anos para a avó paterna?

Feita por >Ana>. 31 jul 2020 Guarda compartillhada

Meu filho de 5 anos atualmente está morando com a avó paterna, por necessidade pessoal.
Eu posso passar a guarda dele para ela, pois moro em outro Estado,vim a trabalho. E futuramente eu posso pegar a guarda de volta?

Resposta enviada

Em breve, comprovaremos a sua resposta para publicá-la posteriormente

Algo falhou

Por favor, tente outra vez mais tarde.

A melhor resposta

Bom dia, Ana. A avó paterna da criança pode pleitear a guarda judicialmente, sendo que vc se apresentará favorável. No futuro vc pode pleitear a guarda, contudo é importante notar que o juiz do caso analisará todas as circunstâncias, como laços afetivos criados com a avó, estrutura familiar, padrão de vida da criança, visando o melhor interesse desta. Assim, certifique que terá provas para demonstrar que o menor estava vivendo com a avó por necessidade momentânea e que vc havia se mudado por necessidades profissionais a fim de buscar melhor condições de vida para vc e o seu filho.

Lenai Martins Advocacia Advogado em Brasília

2 respostas

Contatar

A resposta foi útil para você?

Obrigado pela sua avaliação!

Ana,
Bom dia!

Pode sim passar a guarda provisória a sua avó, restabelecendo quando quiser, no entanto precisaria da anuência do pai, fazendo esse requerimento via judicial.

Att.

Robson Silva
OAB/SP 373.112

Rehano & Silva Advocacia e Consultoria Jurídica Advogado em Indaiatuba

155 respostas

22 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil para você?

Obrigado pela sua avaliação!

Olá, Tudo bem? Como vai?

Sou Ritchelly Pinto, Advogada.
Olá, recomendo procurar um advogado ou defensor público para ajuizar a ação com análise do caso concreto.
Por tratar de guarda precisa ver a pretensão do pai e dos demais avós.
Atenciosamente,

Ritchelly Pinto.

Ritchelly Pinto Advogado em Paulista

98 respostas

9 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil para você?

Obrigado pela sua avaliação!

Pode sim, Ana.
A guarda não é definitiva.

Ana Suelen Porto Advocacia Advogado em Maceió

47 respostas

9 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil para você?

Obrigado pela sua avaliação!

Advogados especializados em Guarda compartillhada

Ver mais advogados especializados em Guarda compartillhada

QANDA_other_questions_related_ttl

Explique seu caso aos nossos advogados

Publique a sua pergunta de forma anônima e receba orientação legal em 48h.

50 QANDA_form_question_details_hint

Sua pergunta e as respectivas respostas serão publicadas no site. Este serviço é gratuito e não substitui uma sessão de terapia.

Enviaremos a sua pergunta a especialistas no tema, que se oferecerão para acompanhar o seu caso pessoalmente.

A sessão de consultoria não é grátis e o preço estará sujeito às tarifas do profissional.

A sessão de consultoria não é grátis e o preço estará sujeito às tarifas do profissional.

Coloque um apelido para manter o seu anonimato

QANDA_form_send_feedback_ttl

QANDA_form_send_feedback_lbl

QANDA_form_question_already_exists_ttl

QANDA_form_question_already_exists_txt

advogados 3850

advogados

perguntas 20650

perguntas

respostas 22400

respostas