Com que idade o juiz libera a criança para passar o fim de semana com pai?

Feita por >Samantha1995>. 26 jun 2020 Guarda compartillhada

Olá tudo bem? Tenho uma filha de 1 ano e 1 mês de idade eu e o pai dela terminamos o namoro a pouco tempo, o pai dela nunca se Interessou em cuidar da bebê,. Ele nunca trocou uma fralda nunca deu banho nem trocar a roupa dela ele queria pois a família dele sempre falava q homem não pode fazer esse tipo de coisa ainda mais com uma filha mulher, e agora que terminamos o namoro ele quer pegar minha filha de 1 ano pra passar o fim de semana com ele, ele não entende nada relacionado a ela nao sabe nem entender quando ela está enjoada de fome ou sono, a família dele é problemática a mãe dele tem síndrome do pânico e labirintite vive passando mal e desmaiando a vó dele que mora na casa de cima já é idosa 74 anos e tbm tem alguns problemas de saude como depressao e diverculite vive com dor na coluna a mãe e a vó dele vivem tomando remédios para os problemas delas, fora que é uma família que faz muita pressão psicológica nas pessoas, gostaria de saber se ele tem direito de pegar minha filha Para passar os finais de semana e até dormir com ele nessa situação que citei a cima mesmo ela tendo apenas 1 ano de idade ainda não anda e nem fala e também por conta da pandemia !
A partir de quantos anos o juiz libera a criança dormir e passar o fim de semana com o pai ?

Resposta enviada

Em breve, comprovaremos a sua resposta para publicá-la posteriormente

Algo falhou

Por favor, tente outra vez mais tarde.

A melhor resposta

Prezada Samantha, boa noite! Tudo vai depender da análise do caso concreto, por isso é interessante você ingressar com um pedido de regulamentação de visitas, mas, via de regra, a criança só sai sozinha a partir do momento que esteja totalmente independente da mãe e que o pai tenha totais condições de cuidar dela, mas tudo isso deverá ser analisado. À disposição.

Márcia Maria de Oliveira Advogada Advogado em Ribeirão Preto

80 respostas

31 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil para você?

Obrigado pela sua avaliação!

Olá, isso será analisado judicialmente.

Creuza Almeida Advogado em Recife

351 respostas

88 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil para você?

Obrigado pela sua avaliação!

Olá, Samantha. Tudo depende de uma boa avaliação do caso concreto. O pai não pode ser impedido de conviver com a criança, mas o que deve ser levado em consideração é o bem estar da menor. O ideal é que regularizem a guarda judicialmente, principalmente no quanto a visitação. Espero ter ajudado, caso queira entre em contato.

Atenciosamente,

Valkiria Pereira Advogada Advogado em Mauá

11 respostas

Contatar

A resposta foi útil para você?

Obrigado pela sua avaliação!

Advogados especializados em Guarda compartillhada

Ver mais advogados especializados em Guarda compartillhada

QANDA_other_questions_related_ttl

Explique seu caso aos nossos advogados

Publique a sua pergunta de forma anônima e receba orientação legal em 48h.

50 QANDA_form_question_details_hint

Sua pergunta e as respectivas respostas serão publicadas no site. Este serviço é gratuito e não substitui uma sessão de terapia.

Enviaremos a sua pergunta a especialistas no tema, que se oferecerão para acompanhar o seu caso pessoalmente.

A sessão de consultoria não é grátis e o preço estará sujeito às tarifas do profissional.

A sessão de consultoria não é grátis e o preço estará sujeito às tarifas do profissional.

Coloque um apelido para manter o seu anonimato

QANDA_form_send_feedback_ttl

QANDA_form_send_feedback_lbl

QANDA_form_question_already_exists_ttl

QANDA_form_question_already_exists_txt

advogados 3850

advogados

perguntas 20700

perguntas

respostas 22500

respostas